Habilite o WinPLC7 Lite. É free. | Dênis Leite

automação para competitividade

Habilite o WinPLC7 Lite. É free.

Venho recebendo solicitações por e-mail das instruções para habilitar a versão Lite do WinPLC7. Para os que não conhecem a ferramenta, trata-se de um aplicativo alemão para programação de CLPs Siemens S7-300 e S7-400 e VIPA Speed7, System 300V, System 200V e System 100V. A linguagem de programação é o STEP®7 da Siemens.

Outros Posts do nosso blog tratam de detalhes funcionais do WinPLC7 e contemplam link para download. Ele possui simulador integrado e a versão Lite é gratuita e habilitada a programar os CLPs da família System 100V da VIPA.

Para habilitar a versão lite, siga as instruções abaixo.

  1. Clique em Enable program functions, seguindo (Extras -> Other -> Enable Program Functions)
  2. Ao clicar, aparecerá uma caixa de texto onde você deve escrever a palavra Lite e depois clicar Ok.
  3. Depois disso, abrirá uma janela com um LE-Number, um campo para você digitar o Activation-Code e um link para o site do WinPLC7.
  4. Basta que você acesse o link, digite o código que o software te disponibiliza e preencha seus dados (você não vai receber e-mails nem qualquer coisa do tipo, o cadastro é só para estatísticas internas da empresa que fornece o software).
  5. O código de desbloqueio da versão Lite chegará pra você por e-mail.
  6. Digite o código no campo Activation-Code e clique Activate.
  7. Pronto. Seu WinPLC7 estará habilitado a programar o System 100V com todos os recursos disponíveis.

Figura 1. WinPLC7 – Enable Program Functions.

winplc7-1

Figura 2. WinPLC7 – habilitando a versão Lite.

winplc7-2

WinPLC7 – Activate LE Version.

winplc7-31

Gostou do conteúdo? Assine nossa newsletter!

Como sabemos que ninguem tem tempo a perder, condensamos o material e enviamos os headlines uma ou duas vezes ao mês.


6 Comments

  • Leandro,
    de fato há uma dificuldade inicial em trabalhar com o programa em alemão, mas você notará que há um vocabulário pequeno a ser desenvolvido e isso deixará de ser um problema! É só uma questão de tempo.
    Se tivermos algum material novo em inglês ou em português, te informo!
    Saudações,
    Dênis

  • Mauro,

    obrigado pela informação!

    Por curiosidade fui dar uma olhada num projeto grande em que estamos trabalhando e verifiquei que mais da metade dos blocos dem menos de 1KB.

    Conversando com um colega chegamos à conclusão que isso ocorre em função da possibilidade de se utilizar blocos parametrizáveis (FCs e FBs) mesmo em CPUs pequenas, o que não acontece com outras tecnologias.

    Outro detalhe é a modularização do software. Costumamos dizer que um projeto grande é um conjunto de projetos menores. Ao modularizarmos facilitamos o entendimento do aplicativo, sua manutenção e expansão.

    Normalmente utilizamos o Simatic Manager para projetos mas quando começamos a Mekatronik chegamos a desenvolver algumas aplicações com o WinPLC7 Pró e até com a versão Lite, sem problemas.

Post a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Spam Protection by WP-SpamFree

  • Categorias